HACK
Tendências de internet 2019 HACKPowered by Rock Convert

Eu costumava pensar em uma startup como uma série de funis. Existe o funil de conversão do cliente, o funil de recrutamento, o funil de sucesso do cliente. Os funis simplificam as métricas. Examine o rendimento de cada estágio para avaliar o sucesso. Comece para terminar.

Estive preparando minha sessão para o NY Enterprise Tech Meetup no final desta semana no Essential Guide to SaaS Metrics. Pensando nessa apresentação e refletindo sobre algumas conversas recentes, mudei minha crença. O modelo mental superior é um ciclo.

Receba os artigos da Hack por email
Seja um dos primeiros a receber nossa newsletter com o que há de mais recente e relevante sobre crescimento de negócios.
Seu email estará seguro conosco. Ele será utilizado apenas para comunicação entre a Hack e você.

O funil para em um estado final. O ciclo é um volante (flywheel) e cria momentum. Essa é a principal diferença.

Atraia um cliente, envolva-o, venda-lhe um contrato, integre-o e garanta que atinja o seu objetivo. Esse é o funil. Mas adicione um passo: solicite um testemunho, peça uma indicação de um amigo, faça uma venda cruzada de outro produto. O ciclo começa novamente.

Volte a crescer agora com a HackPowered by Rock Convert

Atraia um candidato talentoso, envolva-o, contrate-o, integre-o. Esse é o fim do funil de pessoas, mas não do ciclo de pessoas. As startups devem gerenciar, cultivar e estimular seus funcionários, e isso impulsionará o ciclo novamente com referências, melhor marca do funcionário e maior sucesso com futuros candidatos.

Os líderes modernos em cada uma das funções críticas das equipes de startups já me dizem isso há algum tempo, descrevendo de diferentes formas. Mas demorou para se estabelecer. Medir o funil é a primeira etapa, mas não o suficiente. Temos que medir o ciclo e a força do Flywheel.

Essa é a lente que usarei de agora em diante: ciclos, não funis.

Por Thomasz Tunguz da Redpoint

Tendências de internet 2019 HACKPowered by Rock Convert

Sobre o autor André Bartholomeu Fernandes rotate

Pós-graduado em Harvard e MIT, André iniciou sua carreira na internet em 2002 levando internet a mais de 4.000 cidades brasileiras com o provedor Samba. Trabalha com empresas nacionais e multinacionais levando soluções de internet focadas em resultados. Seu blog, o Jornal do Empreendedor tem mais de 200.000 leitores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Relatório

Tendências de Internet 2019

O mais importante relatório de tendências em português para você
definir suas estratégias de negócios para a retomada de crescimento do Brasil.

Baixe aqui